Agora não, Bernardo

/
0 Comments

Bernardo está no jardim com o monstro. Ao entrar em casa, ele tenta chamar a atenção do pai e da mãe que, a cada chamado ignoram-no respondendo: Agora não, Bernardo! O menino vai para o jardim e conversa com o monstro. Em seguida, o monstro entra em casa, vê televisão, brinca com os brinquedos de Bernardo, ganha jantar e a mãe o coloca na cama... Mas por onde anda Bernardo? E que pensa o monstro disso tudo?
As imagens dessa narrativa destinada às crianças, cuja efabulação deixa perplexos pais e educadores, constituem um ponto importantíssimo em sua escritura. Nessa obra, texto e imagem dialogam de forma altamente relevante e, na maior parte das vezes, a ilustração muito mais do que contar o que já está sendo dito verbalmente amplia seus horizontes e seus significados.
Escrita em 1980 por David McKee, editado pela Martins Fontes, trata-se de uma história surpreendente e que se tornará ainda mais significativa com o passar dos anos por se tratar de uma discussão sensível e crítica das relações familiares.

Título: Agora não, Bernardo!
Autor e ilustrador: David McKee
Tradução: Monica Stahel
Editora: Martins Fontes

Cleber Fabiano da SilvaPesquisador voluntário do PROLIJ - UNIVILLE


Posts relacionados

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.